Skip to content

Lambda Lambda Lambda: He-Man, Thor 2 e Prometheus

01/07/2011
He-Man, Kenneth Brannagh e Alien.

Circulando, nada para ver aqui...

Pelo poderes de Dolph Lundgren

Em uma entrevista sobre qualquer outra coisa que não importa (acho que era sobre projetos sociais), DeVon Franklin, vice-presidente da Sony, resolveu falar um pouco sobre os projetos da produtora para os próximos anos, e largou a seguinte:

One of other things I’m really excited about is we’re doing a reboot of the 1980s franchise Masters of the Universe. The He-Man franchise. Very excited about that. Should have that script very soon. I’m praying that we can start figuring out how we’re going to make it.

Vamos parar para pensar um pouco sobre o assunto. Um pouco mais. Mais um minutinho.

Eu tenho muita dificuldade em conceber a idéia de Hollywood tentar manter, mesmo que por 22 segundos, o clima geral do desenho nessa nova produção. Eu não estou nem levando em conta o primeiro Masters of the Universe, pois estou certo que todos os envolvidos estão cientes de aberração contra a natureza, o homem e Deus. Acho que até o Dolph Lundgren sabe que o filme é ruim. Estou pensando mais em adaptações mais recentes como Transformers. Não sobrou nada do desenho original (que convenhamos, era ruim), só o nome. Por que deveríamos esperar algo diferente com He-Man? O grande problema é que metade do mundo não dá a mínima para a mitologia de Transformers, mas He-Man tem uma base de fãs muito maior e infinitamente mais devotada. Por Deus, minha mulher, que não é nada nerd, tinha um gato chamado He-Man. Esse desenho (e especialmente os brinquedos) participaram da infância de milhões pelo mundo. A gente até pode perdoar uma aberração feita há mais de 20 anos. Mas não há desculpas agora: até Thor foi feito em um filme convincente. A única coisa que impede o estúdio de fazer um bom filme do He-Man é comprometimento. E é exatamente esse o problema.

E o martelo voará novamente

E por falar em Thor, foi confirmada a estréia de Thor 2 em 26 de julho de 2013. Legal, né? Todo mundo voltará ao filme, Chris Hemsworth, Natalie Portman, Stellan Skarsgård… mas Kenneth Brannagh não.

FFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU…

Quando fiz a minha resenha do filme, deixei bem claro que Kenneth Brannagh é o cara. Ele foi o grande responsável pelo sucesso de Thor, foi ele quem tornou aquela história absurda palatável, ele quem trouxe a sensibilidade para um filme que tinha tudo para ter um desempenho trágico. O estúdio diz que a decisão foi “mútua e amigável”, coisa que não duvido. Mas a que preço? Começo a ficar preocupado com os filmes da Marvel. Sam Raimi saiu do Homem-Aranha e deu no que deu, Bryan Singer saiu do X-Men e deu no que deu, Jon Favreau fora do Homem-de-Ferro e agora isso. Será que eles conseguirão manter o momentum gerado por Thor e Capitão América sem as pessoas que realmente fazem as coisas darem certo? Duvido.

Prometheus e cumprius?

Saiu a sinopse de Prometheus, o novo filme do Ridley Scott que até agora ninguém sabe ao certo se é ou não um prólogo de Alien.

Visionary filmmaker Ridley Scott returns to the genre he helped define, creating an original science fiction epic set in the most dangerous corners of the universe. The film takes a team of scientists and explorers on a thrilling journey that will test their physical and mental limits and strand them on a distant world, where they will discover the answers to our most profound questions and to life’s ultimate mystery.

Isso não é, digamos, igual aos outros filmes? Tipo, exatamente a mesma coisa? Na verdade, essa sinopse não acrescenta nada, dá pra copiar e colar direto pro IMDB se quiser. Eu só postei isso porque ontem também vazou uma sinopse bem mais detalhada, mas que não é oficial e muita gente tá dizendo que é completamente falsa. Eu achei só profundamente estúpida.

Earth. Year 2058. Archaeological digs in Africa reveal alien artifacts that humans were genetically engineered by a advanced alien race (space jockeys). These “Alien Gods” also terraformed Earth in order to make it habitable for their human creations. Amongst finds are coordinates to the Alien God’s home-world, to Paradise. Months later the Weyland Corp launch the spaceship PROMETHEUS and his crew, into deep space to make first contact. Thanks to faster than light travel a few years later the PROMETHEUS enters the Zeta Riticuli star system. Humans are greeted by their makers, then transported further into space to a scary yet fascinating world. The Alien Gods are proud of their “children”, their first creation to reach such levels of intelligence.

As a reward they share bits of their astonishing bio-based technologies with the humans. But for one crew member of the Prometheus it’s not enough. In a treacherous act he steals the “bio-source code” to Terraforming, a technology at the origin of all Gods’ power, that could make humans equal to the gods. The Alien Gods may be scientists but are also ruthless conquerors, destroyers of worlds who will not accept humans as equals. They unleash on the escaping human crew their favorite bio-weapon, a creature used to “clean up” worlds before colonization. But something goes wrong in the process and humans manage to turn the bio-weapon against their makers. Giving birth to a smarter, nastier, bigger breed of gut eating creatures. Creatures that will be the demise of Paradise. What’s left of the Prometheus crew manages to escape the doomed planet.

On their trail a survivor Alien God in very familiar ship with one ultimate mission. Bring the wrath of the Gods to Earth.

Tomara que seja mentira. Mesmo.

Via Nerd Bastards, Blastr e Geek Tyrant.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: