Skip to content

Lambda Lambda Lambda: Bane pós-Batman, Bane pré-Batman e Call Me Batman

08/08/2012

A essa altura do campeonato, eu não deveria ter que dar [spoiler alert]: se você ainda não viu O Cavaleiro das Trevas Ressurge, favor deixe sua carteirinha de nerd na portaria.

E caso você esteja incomodado com o fato que praticamente só falamos de Batman nas duas últimas semanas, acalme-se: isso vai passar.  BUT IT IS NOT THIS DAY!

Pelo direito de recomeçar

Todo mundo merece uma nova chance, um recomeço. Depois de tentar ser o ajuste de contas de Gotham, Bane decidiu que era hora de retomar o controle da sua vida, mas evitando bombas atômicas.

Clique na imagem para ver o vídeo.

Em tempo: sou grande fã do Chris Kattan, desde os tempos de Saturday Night Live, e fico satisfeito de vê-lo retornar em grande forma. Ou quase isso.

Edição estendida a caminho

Parece que uma cena foi cortada de O Cavaleiro das Trevas Ressurge, oferecendo um pouco mais de informação sobre Bane e sobre como ele chegou a ficar daquele jeito, como disse Lindy Hemming, figurinista-chefe do filme.

The thing that you should have seen during that sequence is [Bane] being injured in his youth. So one of the fundamental things about his costume is that he has this scar from the back injury. Even if he hasn’t got the bulletproof vest on, he still has to wear the waist belt and the braces. In that scene in the prison, where he’s learning to fight the same way Batman learned to fight, he’s wearing an early version of his waist belt. It’s showing support, but it’s not the finished one he eventually wears. He’s also wearing an early version of his gas mask, all glued together … If you look at the film, unless they’ve cut it—and I’m sure they haven’t—there’s a whole early section for Tom Hardy where he’s fighting and being taunted by people. He’s got chains on him, and he’s standing on a wooden thing while people are attacking him. And in that scene, he’s wearing a much more ragged, primitive version of the mask.

Não é difícil de entender porque excluíram a cena do filme: não parecida acrescentar muita coisa, só alimentar o mito em torno do Bane, tornando-o ainda mais ameaçador do que ele já foi. Seria overkill, para dizer o mínimo. Ainda assim, como um fanboy que, apesar da inúmeras críticas, gostou do filme, não me incomodaria em ver essa cena não. Acho que sua brutalidade seria perfeitamente adequada ao tom geral do filme, embora que confesse que ela provavelmente reduziria o impacto da surra que Bane deu no morcego.

Não esperava que John Blake cantasse tão bem… NOT

Oferecido sem comentário.

Via I Watch Stuff, You Bent My Wookie and Topless Robot.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: