Skip to content

Notícias de um futuro passado: sobre o novo X-Men

19/02/2013

Muito se tem falado na mídia sobre o X-Men: Days of the future past, o novo filme dos mutantes dirigido por Bryan Singer após a prequel/reboot de X-Men: First Class, com estréia prevista para julho de 2014. Nós não temos comentado sobre o assunto aqui, o Eduardo porque não deve estar muito empolgado, eu porque não só não estou empolgado como mal escrevo no blog ultimamente. Sei que os leitores sentem falta dos meus rebuscados textos sobre o ethos do neo-nerd hipster douche bag brasileiro, então vou tentar voltar a aparecer mais por aqui.

Tem muita notícia velha sobre o filme já, mas vamos lá: o filme não me empolga muito pelos mesmos motivos que o Primeira Classe não me empolgou. Christopher Nolan deu um tom aos filmes de super-herói muito interessante mas pouco aplicável fora do mundo do Cavaleiro das Trevas. Acho que a Marvel conseguiu, com Joss Whedon e Os Vingadores, o equilíbrio de diversão, explosões e alguma seriedade mais típica de suas histórias, mas definitivamente ainda não conseguiu atingir esse ponto com X-Men.

Peter Dinklage X-Men Days of the future past

Isso é um cosplay de Bernie do Um Morto Muito Louco?

A última notícia dá conta não só da participação confirmada de Peter Dinklage no elenco – um ganho absurdo para o filme, já que nosso querido Lannister anda arrebentando nas telas – como também de rumores sobre seu personagem, que seria Bolivar Trask, o criador das sentinelas. Os simpáticos robôs assasinos de mutantes me lembram da série animada de TV, um bom exemplo de transposição de mídia com sucesso.

Do filme mais recente, estão confirmados James McAvoy, Michael Fassbender, Jennifer Lawrence e Nicholas Hoult. Da antiga trilogia, Hugh Jackman, Patrick Stewart, Ian McKellen, Anna Paquin, Ellen Page, and Shawn Ashmore. Para quem não sabe, Days of the future past lida com a clássica história do presente atuando para impedir um futuro, por isso esse elenco.

O que foi também confirmado, para nossa tristeza, é que January Jones não voltará como Emma Frost nem como qualquer outro personagem. E nossa esperança era tê-la em 3 filmes

Assim, o prognóstico não é lá muito animador. O que não me impedirá de ir o mais rápido possível ao cinema assistir aos meus queridos mutantes quando o filme estrear. Errar é humano, afinal. Inaceitável mesmo é rever aquela bomba chamada XMen 3 – O Confronto Final.

Por fim, para alegria geral da nação, a filmagem será realizada diretamente em 3-D. Nação Shi’ar, só se for, mas enfim, é a inexorável marcha das 3 dimensões que nos assola.

Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. Eduardo Derbli permalink*
    19/02/2013 12:47

    Por mais que eu considere a January Jones eye candy da melhor qualidade, não sei se gostaria de vê-la de novo no filme. O personagem dela é muito ruim, e a interpretação, canhestra. Poderiam colocar um vídeo dela, tipo picture-in-picture, no canto da exibição do filme, em mute.

    Eu acho que o meu maior motivo para estar desanimado nem é filme em si, que é legal, mas os problemas de continuidade. O fato do Xavier ficar paralítico, e depois andar, e depois ficar paralítico de novo e depois andar… o lance do Xavier e da Mística serem praticamente irmãos e isso sequer ser citado nos outros filmes… sei lá, meu senso de ordem não consegue organizar isso, então descarta. O Rob Bricken, ex-Topless Robot, escreveu um artigo legal, e tem links para outros exemplos. http://io9.com/5966264/8-ways-x+men-movie-continuity-is-irretrievably-fucked

    A adição do Dinklage é bom sinal? Em termos. Suponho que agora, na crista da onda, ele esteja se dando ao trabalho de ser mais seletivo com os roteiros, pois se você for avaliar a filmografia dele… puta que pariu. Tá certo que a deficiência restringe um pouco os papéis que a galera de Hollywood está disposta a oferecer a ele, mas ainda assim…

    • Felipe Esteves permalink*
      25/02/2013 14:33

      Sua idéia do papel da January Jones no próximo filme não poderia estar mais consonante à minha.

      Eu prefiro, embora seja irresponsável da minha parte, não pensar na continuidade. Eles precisavam ter assumido que aquele trilogia deu muito errado, apagar tudo e recomeçar. Mesmo que aproveitassem os atores, mas deviam apagar toda a história. Infelizmente, eles parecem não estar dispostos a isso, preferem navegar em direção ao iceberg, então paciência.
      Rob Bricken, como sempre, mandou muito bem na análise.

      Sobre o Dinklage, concordo contigo, é mais uma boa expectativa. Mas ele fez Crônicas de Nárnia, né? Isso não é um bom sinal? 😀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: