Skip to content

Retornemos à Cidade do Pecado… mas precisamos?

07/03/2014

Não.

Ok, concordo que ver a Jessica Alba dançando sobre um palco nunca é demais – por mim, poderia colocar isso em loop por duas horas. Mas de resto, o que há de particularmente interessante nesse filme? Os melhores personagens nós já conhecemos – e sabemos quando e como morrem. Esse filme é uma história paralela, pregressa  e futura, ao que parece (fui buscar isso pra tentar entender, visto que não li todas as histórias e, as que li, o fiz há tempos), então não sei exatamente de que forma isso vai colaborar para o escopo geral. Visualmente, parece ainda mais histriônico que o primeiro, que tinha o mérito de traduzir literalmente o estilo dos quadrinhos pela primeira vez no cinema.

Alguém sabe por que esse filme foi feito? Além de massagear o ego do Frank Miller?

Via Topless Robot.

Anúncios
One Comment leave one →
  1. 09/03/2014 00:13

    Totalmente certo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: